segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

Deus põe a benção no seu colo

                  


                  Alguma vez você já pegou uma criança em seu colo e, como de relance, passou pela sua cabeça algo a respeito da vida daquela criança como, seu futuro, seus sofrimentos, seu destino? Difícil não é ? Quando Jesus foi levado ao templo em Jerusalém para ser consagrado a Deus como regia a lei de Moisés, algo assim aconteceu.
                  Lucas, no capítulo 2 do evangelho que escreveu, nos conta a história de Simeão. Alma bondosa, vivia em oração e na expectativa da chegada de um auxílio divino para Israel. Simeão vivia debaixo de uma promessa: ele veria o Messias antes de morrer, Você alguma vez já parou para meditar nisso? Simeão já em seus dias finais e ainda vivendo-os na esperança de ver o prometido, o Salvador daquele povo, o homem que mudaria a história de Israel e de toda a humanidade?
                  Deus havia revelado isso a ele e com toda a certeza ele assim esperava.
Naquele dia, Simeão estava no templo e quando José e Maria chegaram e entraram para cumprir os rituais, Simeão, creio que guiado pelo Espírito Santo, pegou o menino e o aconchegou em seu colo e disse: "Deus soberano, agora teu servo pode ser despedido, vou-me em paz, pois tuas promessas tens cumprido. Com meus olhos vi a Tua salvação, uma luz para as outras nações, para que Deus seja revelado; uma glória para Israel, teu povo amado."
                   Oh, que maravilha! Creio que os que estavam próximos, ficaram atônitos. Maria e José ficaram calados, assim a Bíblia relata. Neste momento, o Espírito de Deus revela a Simeão o que aconteceria: "Este menino marcará para muitos fracasso cruel, mas para tantos outros grande recuperação em Israel. Ele será mal compreendido e alvo de muita contradição - e, no seu caso, a dor de uma espada lhe atravessará o coração. Mas a rejeição revelará quem possui integridade: Deus mostrará quem de fato está do lado da verdade." Que lindo! As palavras da revelação foram seguidas por um louvor a Deus através da profetiza Ana, que adentrou ao templo naquele exato momento e ainda entregou uma palavra a todos. 
                 Louvado seja o nosso Deus! Isso tudo o que relatei acima foi só para deixar bem claro para você que Deus, o nosso Pai celestial, cumpre as promessas que faz.
Creio que Simeão olhava para o fim de seus dias se aproximando e via a esperança. Olhava para as suas mãos envelhecidas mas também via certeza.. Olhava para as crianças que chegavam no templo e sentia seu corpo tremer com a possibilidade de  uma delas ser o prometido salvador.
                Digo a você que apenas creia! As promessas do Senhor sempre se cumprem. Viva a sua vida, ande seu caminho sempre se lembrado que Deus cumpre o que fala.
Não deixe as coisas do dia a dia tirarem o seu foco: continue caminhando e crendo.
               Lembre-se: Deus mandou o cumprimento da promessa de Simeão no colo dele!

Ósculos e Amplexos a todos !!  

Um comentário: