quinta-feira, 17 de setembro de 2015

A sua prioridade

           
          Temos vivido dias de imensas necessidades por todo o mundo. Em alguns lugares do mundo, pessoas necessitam de uma terra para morar, em outros precisam de empregos, paz, água, e muitas outras necessidades. 
          Não farei menção as suas necessidades pessoais pois você sabe muito bem o que tem te colocado muitas vezes em desespero, cujo sentimento, te afasta a fé. Lembro-me muito bem do texto de Mateus 6.33 onde está proposto por Jesus "buscar em primeiro lugar o reino de Deus e a sua justiça e as demais coisas nos seriam acrescentadas".
          Até que ponto as suas necessidades tem o afastado desta proposta feita por Jesus? Já parou para pensar que a ansiedade e fé não não combinam?
pois é.
             Quantas conquistas temos deixado passar por buscar fazer as coisas com as nossas próprias mãos . Jesus disse no verso posterior: "Portanto, não vos inquieteis com o dia de amanhã, pois o amanhã trará os seus cuidados" (Mateus 6.34).
             O ser humano tem corrido de forma desenfreada para melhorar a cada dia sua vida material, satisfazer suas necessidades, e até, além disto. Quanto mais riquezas, mais se busca. É quando entra a preocupação com o “futuro” contrariando à própria palavra dita por Jesus no verso acima.O que podemos ver nesses últimos dias, é que não buscamos mais o Reino de Deus, e muito menos a Sua justiça. Queremos que seja feita a justiça como imaginamos. As igrejas, de um modo geral, não pregam mais sobre o Reino de Deus, mas sobre tantas outras coisas, coisas essas que os ouvintes se interessam.
          Esses versos de Mateus nos revelam que se buscarmos em primeiro lugar o Reino de Deus e a Sua justiça todas as coisas nos serão acrescentadas. Mas queremos buscar primeiro os nossos interesses, a nossa vontade. Na verdade não sabemos esperar a vontade de Deus.
          Quando buscamos o Reino de Deus, começamos a valorizar as coisas que Deus valoriza, e uma das coisas que Deus mais valoriza é a vida humana pode ter certeza. De nada vale vivermos uma vida inteira dentro da igreja e ao final dela não apresentarmos frutos dignos de arrependimento. Se não revelarmos em nossa vida uma mudança, uma transformação, e levarmos pessoas a essa mudança, a essa transformação, não há sentido algum na vida cristã.
         
Estamos prestes a viver dias em que a nossa fé será colocada em cheque. Se prepare! Ainda há tempo para você analisar as suas prioridades e ver o caminho que você tem trilhado. Lembre-se: no dia final, TUDO será levado em conta.

"Pois Deus trará a julgamento tudo o que foi feito, inclusive tudo o que está escondido, seja bom, seja mau" (Eclesiastes 12.14).

Medite nesta palavra de Deus para a sua vida !

Ósculos e Amplexos !!  

Nenhum comentário:

Postar um comentário